João Pessoa, 23 de Setembro de 2017

29 de Janeiro de 2009

Gerente de boate em Leeds proíbe funcionários de falar sobre Robinho

Gerente de boate em Leeds proíbe funcionários de falar sobre Robinho

Não foi por um bom motivo que o nome do bar "The Space" em Leeds foi parar no noticiário: a acusação de que Robinho teria estuprado uma jovem inglesa na área VIP do local. Por isso, não é de estranhar a reação do gerente do bar ao receber a reportagem do GLOBOESPORTE.COM:

- Brasil? Eu já sei qual é o assunto. Mas eu não vou falar sobre isso. Ninguém aqui vai falar - avisa ele, em seguida recusando-se a dizer o nome.

- Sou o gerente da casa. Abrimos todas as noites das 23h até o último cliente, geralmente fechamos às 5h. Agora temos trabalho a fazer - disse, fechando a porta.

O "The Space" é um bar de música eletrônica, que se apresenta na Internet como "uma das casas de house music mais respeitadas e antigas do Norte da Inglaterra. Um clube com dois ambientes em que você pode esperar tudo do melhor a qualquer dia da semana".

As visitas da polícia ao local, porém, não são tão raras quanto a de jornalistas brasileiros. Três dias antes de fechar o bar para investigar a acusação contra Robinho, a polícia de Leeds também cercou a área por causa de um outro incidente, sem nenhuma relação com o do jogador brasileiro, ocorrido no dia 12 de janeiro (dois dias antes da data em que Robinho teria cometido o crime).

Leeds fica a 65 km ao nordeste de Manchester. Mas a distância até Macclesfield, cidade onde vive Robinho, é ainda mais longa: 95 km. Dificilmente o brasileiro irá aparecer por lá para jogar futebol. Uma das equipes mais tradicionais do futebol inglês, o principal clube da cidade, o Leeds United, tenta se reerguer após uma séria crise que levou o clube da Premier League para a Terceira Divisão.

Globo.com



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.