João Pessoa, 24 de Maio de 2017

17 de Outubro de 2011

Maranhão condiciona disputa de 2014 a 2012 e frustra Santiago

Maranhão condiciona disputa de 2014 a 2012 e frustra Santiago

Maranhão condiciona disputa de 2014 a resultado de 2012 e frustra pretensões de Santiago retornar ao Senado

‘O futuro a Deus pertence’. Foi assim que o ex-governador José Maranhão (PMDB) se posicionou no que diz respeito a disputar o pleito de 2014 rumo ao Senado Federal. No início da semana o ex-gestor anunciou que não mais disputaria o Governo do Estado, cargo que já ocupou por três vezes, e definiu o nome de Veneziano como o oficial.

Sem querer dizer que sim ou que não, o cacique peemedebista garantiu que desistiria da disputa estadual se vier a lograr êxito na disputa pela prefeitura de João Pessoa em 2012, porém, quando indagado se em caso de derrota em 2012, também não participaria do pleito estadual, Maranhão evitou anunciar a desistência.  

A afirmação de Maranhão ao condicionar a desistência de disputar o pleito estadual, ao resultado do pleito municipal acaba forçando setores do PMDB (leia-se Wilson Santiago), a defender com ‘unhas e dentes’ a candidatura do velhinho a prefeito da Capital, caso contrário, o mestre de obras terá que bater chapa dentro do PMDB com o ex-senador Wilson Santiago, que deve tentar retornar ao parlamento após a queda em 2011.

As duas lideranças, hoje sem mandato, ainda não debateram publicamente sobre quem terá a vez dentro do PMDB. Até agora só o nome de Veneziano foi confirmado na chapa do partido, que com Maranhão ou Wilson Santiago, voltará a ser puro sangue na disputa estadual. Em 2010, o PMDB também optou por uma chapa puro sangue, com Vitalzinho, Santiago e José Maranhão. No fim, só Vitalzinho se deu bem.


PB Agora



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.