João Pessoa, 21 de Julho de 2017

03 de Janeiro de 2017

Coringa na gestão Cartaxo recebe presente de ‘grego’

Coringa na gestão Cartaxo recebe presente de ‘grego’

Tido na gestão do prefeito Luciano Cartaxo (PSD) como um verdadeiro ‘coringa’ na gestão do prefeito Luciano Cartaxo (PSD), o novo secretário da Gestão Governamental e Articulação Institucional Adalberto Fulgêncio, inicia 2017 com perspectivas bem distantes de João Pessoa.

É que o ex-secretário de Saúde terá agora resolver os assuntos relacionados a gestão em Brasília substituindo Diego Tavares que estava insatisfeito com cargo.

Acostumado com a visibilidade e tido até um verdadeiro primeiro ministro na gestão passada, agora Fulgêncio terá que se adaptar ao cerrado na Capital Federal, tentando liberar convênios e recursos e recepcionando Luciano nas viagens oficiais junto aos Ministérios.

É válido lembrar que Adalberto sonhava ser vice de Cartaxo e tinha pretensões políticas em 2018 e agora escanteado terá que repensar a vida, pois seu principal aliado na gestão o ex-vereador Benilton Lucena (PSD) a quem apoiou no ultimo pleito sofreu uma dura derrota nas urnas, ficando na terceira suplência na Coligação do PSD e PSDB que elegeu cinco cadeiras na Casa de Napoleão Laureano.


FRITADO NA BASE: A vereadora Raíssa Lacerda (PSD) soltou o verbo em recente entrevista ao aconselhar que o prefeito reeleito Luciano Cartaxo (também do PSD) retire o secretário Adalberto Fulgêncio da pasta da Saúde.Ela afirmou que não sabe para onde o auxiliar poderia ser relocado, mas pontuou que “ele não serve para Articulação Política, nem para cuidar da Saúde, peço que ele seja substituido, o prefeito resolve para aonde ele vai”, disse.

A vereadora reeleita disse ter ouvido muita reclamação da população sobre falta de medicamentos e médicos em postos de saúde e pontuou que uma gestão municipal não pode ter um auxiliar que não resolva esse tipo de problema.

Após as críticas da aliada,  Cartaxo defendeu Adalberto Fulgêncio, das acusações da vereadora Raíssa Lacerda (PSD).ressaltando que os ataques da parlamentar são frutos de mágoas de campanha e colocou panos quentes no assunto. O prefeito disse ainda que Adalberto Fulgêncio faz um bom trabalho na saúde.

”As declarações de Raíssa são mágoas de campanha. Adalberto é um importante companheiro e tem dado uma grande contribuição com toda sua experiência. O momento agora é de união e vamos dialogar para superar esses conflitos”, ponderou.

PB Agora



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.