João Pessoa, 29 de Março de 2017

05 de Janeiro de 2017

SOBROU: suplente fica na bronca com missão dada a novo ‘queridinho’ do segundo Governo Luciano Cartaxo

SOBROU: suplente fica na bronca com missão dada a novo ‘queridinho’ do segundo Governo Luciano Cartaxo

Diz os analistas que a política é dinâmica e ainda mais quando se trata da ocupação de espaços nas gestões municipais. Realidade vivida pelos suplentes de João Pessoa que se viram frustrados após anunciou da reforma provida pelo prefeito Luciano Cartaxo (PSD) que só chamou um vereador: Durval Ferreira (PP) abrindo espaço para Helena Holanda (PP).Tido como um nome certo na Câmara Municipal de João Pessoa, o primeiro suplente da Coligação do PSDC-PC do B Carlão da Consolação (PSDC) viu bem próxima às chances de ocupar uma cadeira na Casa de Napoleão Laureano só que do ano novo pra cá tudo mudou.

Homem religioso, Carlão já tinha até comprado o paletó, pois o titular Helton Renê (PC do B) já havia dado declarações favoráveis ao retorno ao Procon de João Pessoa, cenário que mudou após o convite feito pelo prefeito Luciano Cartaxo (PSD) para que Renê ocupasse a liderança do Governo na Casa de Napoleão Laureano.

O prestigio de Helton Renê está tão elevado que ainda conseguiu emplacar um aliado de primeira hora na titularidade da Secretaria de Proteção do Consumidor (Procon-JP), Ricardo Holanda, que já havia indicado para ser o adjunto.Carlão da Consolação que obteve 1.931 votos na ultima eleição terá que esperar mais um pouco, pois o outro titular João Corujinha (PSDC) será presidente da Câmara no segundo biênio e não demonstrou simpatia em se afastar das atividades em plenário.

Como bom homem de oração, Carlão terá ter paciência, pois o cenário ficou nebuloso.Vida de suplente não é fácil.


PB Agora





Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.