João Pessoa, 19 de Agosto de 2017

09 de Janeiro de 2017

Nova-iorquinos viajam de metrô sem calças como parte de evento

Nova-iorquinos viajam de metrô sem calças como parte de evento

 Centenas de nova-iorquinos desafiaram neste domingo o frio ao viajar de metrô sem calças como parte do evento anual "No Pants Subway Ride", realizado todo janeiro em diferentes cidades do mundo.

Segundo os organizadores, o objetivo não é ofender, mas "fazer os outros rirem e se divertirem". "É uma celebração do absurdo", afirmou no site do evento seu fundador, Charlie Todd.

Os participantes se reuniram ao longo da tarde em diferentes pontos de encontro em Brooklyn, Queens e Manhattan, onde receberam instruções para se dispersar em pequenos grupos pelas estações de metrô da cidade e tirar as calças para realizar o trajeto em roupa de baixo.

Os organizadores pediram aos participantes para agir com normalidade, como se não se conhecessem, e a responder, se alguém lhes perguntar, que se trata de "uma coincidência" ou que "esqueceram as calças em casa".

"Queremos dar aos nova-iorquinos uma razão para tirar os olhos de seus jornais e telefones, e experimentar uma coisa diferente em sua rotina diária", disse uma das organizadoras, Jesse Good, em declarações à imprensa local.

"Não muito frequentemente tenho a oportunidade de tirar as calças junto com um grupo de pessoas e mostrar o que levo uso por baixo (...) Estou entretendo a cidade de Nova York, esta é minha forma de arte", afirmou a jovem participante Toni Carter.

Ao término de sua viagem, os presentes foram convidados a festejar o ato bebendo em um local da região, onde a única coisa que precisava para entrar era "não usar calças".

O evento, organizado pela plataforma de comediantes Improv Everywhere, aconteceu pela primeira vez em 2002 em Nova York e se espalhou paulatinamente para outras cidades como Washington, Londres, Praga, Berlim, Varsóvia e Milão, que se juntaram neste domingo à 16ª edição desta iniciativa.

Redação com UOL



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.