João Pessoa, 28 de Fevereiro de 2017

11 de Janeiro de 2017

Cotado ao Governo em 2018, Lira rebate cobrança de Cássio

Cotado ao Governo em 2018, Lira rebate cobrança de Cássio

Cotado ao Governo, Lira rebate cobrança de Cássio: “Senador não tem chefe e por isso não se enquadra”



O senador Raimundo Lira (PMDB), é cotado para ser candidato ao Governo em 2018, mas tem recebido críticas, principalmente dos atuais aliados do seu partido no Estado. Lira respondeu a recente advertência do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), quando disse que o peemedebista, deveria se enquadrar ao que determina a oposição se quiser ser considerado, como outros oposicionistas, provável candidato ao Governo do Estado.


“Senador não tem chefe e por isso não se enquadra”, refutou.


Lira também destacou que não tem mantido contato com o senador José Maranhão (PMDB) faz um bocado de tempo, porque o telefone de Maranhão que ele tem na agenda vive permanentemente desligado.


Sobre a aliança do PMDB com o PSB de Ricardo Coutinho para 2018, ele disse que essa decisão não depende do humor dos diretorianos.


"Essa união não depende do humor do Diretório Estadual do partido e sim do que for decidido pelo Diretório Nacional, uma vez que a eleição será casada e importará primeiro a aliança para eleição do presidente da República".


Redação




Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.