João Pessoa, 18 de Outubro de 2017

19 de Maio de 2017

Moradores em perigo na comunidade São Rafael, em JP

Moradores em perigo na comunidade São Rafael, em JP

As famílias que moram na Comunidade São Rafael, sob a barreira do bairro Castelo Branco, vivem sob o risco iminente de um desmoronamento. Mesmo coberto com lonas, o trecho, que fica na altura do km 14 da BR-230, sentido João Pessoa-Cabedelo, é uma ameaça.


A Prefeitura prometeu que vai avaliar a situação do local. Em seguida, retirar as famílias que queiram sair da zona de perigo. Um muro de contenção será erguido ao longo da barreira pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), dentro do Projeto de Adequação da Capacidade da rodovia, por onde passam 60 mil veículos diariamente, mas ainda não há prazo para início da obra.

Enquanto isso, o medo faz parte do dia a dia da dona de casa Marta Ribeiro de Sousa, que há oito anos enfrenta a tensão cada vez que chove. “Quero sair daqui”, apelou. O coordenador geral do Centro de Referência da Cidadania (CRC), Eduardo Bezerra, responsável pela Diretoria de Organização Popular e Participação Popular (Dipop), da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), disse que a Defesa Civil já esteve no local, junto com uma equipe da Sedes, e afirmou que será feita uma nova visita.

“O problema é que a maioria dos moradores não quer sair. Vamos enviar novamente as assistentes sociais e solicitar que a Defesa Civil acompanhe para tomarmos providência em relação ao processo de auxílio-moradia”, explicou. Ele esclareceu que, mesmo havendo risco, se a família não quiser sair, o Município não pode retirar à força, conforme a legislação. Ao receber o auxílio, o morador procura uma casa para alugar. “A moradora Marta Ribeiro, que está inscrita em programa de habitação popular, fica no grupo prioritário”



PB Agora




Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.