João Pessoa, 16 de Agosto de 2017

20 de Maio de 2017

Em meio à turbulência, Wilson Filho adota cautela sobre futuro do PTB

Em meio à turbulência, Wilson Filho adota cautela sobre futuro do PTB

Brasília ainda não se recuperou da ‘bomba’ que caio sobre o Palácio do Planalto com as delações feitas pelos proprietários da JBS, Joesley e Wesley Batista envolvendo o presidente da República Michel Temer (PMDB). Líderes partidários estão em constantes reuniões com o intuito de decidirem sobre quais medidas adotar daqui pra frente. O deputado federal paraibano Wilson Filho (PTB), por exemplo, tem adotado a cautela como precaução diante das denúncias, já que seu partido compõe a base do presidente na Câmara.

Wilson Filho classificou o fato como ‘triste’ e, segundo ele, além de comover toda a população, atrapalha no desenvolvimento do país. “Todos querem ver o Brasil crescer, todos querem ver o Brasil avançar, todos querem ver o Brasil voltar aos trilhos e todo mundo sabe que quando chega uma denúncia dessa com uma gravidade enorme, nós percebemos que o Brasil volta a ter dificuldade de crescimento”, declarou o deputado.

De acordo com o parlamentar, que evitou falar sobre o futuro de seu partido, a governabilidade do presidente Temer fica, a partir de agora, prejudicada. “O Governo Federal precisa de pilares. Precisa do apoio popular, e um denúncia dessa faz com que o apoio popular diminua, precisa da economia forte, e a economia está voltando a melhorar e aqui no Congresso nós estamos vendo muita gente avisando que semana que vem, provavelmente, sairá da base”, analisou Wilson Filho.

O deputado acrescentou ainda que o presidente Michel Temer precisa rapidamente justificar essas denúncias, caso contrário, haverá um clamor popular por eleições diretas para presidente da república. “Se o que a imprensa estiver falando for totalmente verdade, o governo está em maus lençóis e aí a tese ganham o apoio, creio eu, que da maioria da população brasileira”, disse. O deputado acredita que até a próxima terça-feira (23), partidos aliados já estarão divulgando seus posicionamentos em relação a continuar ou não na base de Temer.


PB Agora



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.