João Pessoa, 20 de Setembro de 2017

11 de Julho de 2017

Técnicos da UEPB suspendem greve

Técnicos da UEPB suspendem greve

 A greve dos servidores técnico-administrativos da Universidade Estadual da Paraíba foi suspensa após assembleia da categoria realizada na manhã desta terça-feira (11), no auditório do Centro de Psicologia da instituição. O movimento já durava cerca de dois meses e os trabalhos voltam ao normal na segunda-feira (17). A suspensão é válida até o dia 11 de agosto.


De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Ensino Superior da Paraíba (SINTESPB), Fernando Borges, a suspensão atende a uma solicitação feita pelo Governo do Estado para que haja diálogo com a categoria.


“ Suspendemos para atender a solicitação feita pelo Governador e esperamos que a partir de agora se abra um canal de comunicação com a categoria para que seja discutida nossas reivindicações.” explicou.


Os técnicos-administrativos da UEPB estavam em greve desde o dia 22 de abril. As principais queixas da categoria são referentes a realidade orçamentária da universidade, em função dos cortes promovidos pelo governo estadual. A principal reivindicação é o cumprimento do orçamento da UEPB, que foi aprovado na Assembleia Legislativa.


Já os professores efetivos da instituição seguem em estado de greve. A paralisação dos docentes foi aprovada no dia 6 de abril, também durante assembleia. Segundo a Associação dos Docentes da UEPB, (Aduepb), a pauta da greve inclui a exigência de que o Governo que abra negociações das perdas salariais de professores; contra a portaria da reitoria que limita gastos na instituição; contra a redução de vagas na instituição; e exigindo o cumprimento da lei de autonomia da UEPB.



Redação com G1



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.