João Pessoa, 20 de Setembro de 2017

15 de Julho de 2017

Lewis Hamilton confirma favoritismo e larga na pole position em casa

Lewis Hamilton confirma favoritismo e larga na pole position em casa

 A chuva até flertou, mas não conseguiu atrapalhar a soberania da Mercedes. Neste sábado, o piloto inglês Lewis Hamilton confirmou o favoritismo e, para delírio dos torcedores britânicos, irá largar na pole position no GP da Grã-Bretanha.

O piloto da casa não cometeu erros e, com a habilidade que já lhe é característica, deixou para trás os pilotos da Ferrari, além de seu companheiro de Mercedes, o finlandês Valtteri Bottas. O britânico marcou 1min26s600 e anotou o tempo mais rápido do treino classificatório. Ao lado de Hamilton estará Kimi Raikkonen, da Ferrari.

Com a pole do GP da Grã-Bretanha, o Lewis igualou a marca de Jim Clark, que também possui cinco poles na prova inglesa. Além disso, Hamilton anotou a 67ª pole de sua carreira, e está a apenas uma de igualar o alemão Michael Schumacher, que tem 68 e é o recordista em poles.

Caso termine na primeira posição neste domingo, quando acontece o GP da Grã-Bretanha, Hamilton também irá igualar a marca de Jim Clark e Alain Prost – ambos os pilotos venceram e etapa em cinco oportunidades. Prata da casa, Hamilton venceu a etapa inglesa quatro vezes, em 2008, 2014, 2015 e 2016.

Os pilotos iniciaram o treino classificatório com cautela. Alguns foram para a pista com pneus super macios, mas a chuva continuou e exigiu que os pilotos trocassem para pneus de faixa verde, utilizados sob chuva leve.

O imponderável marcou o Q1. Daniel Riccirado, da Red Bull, liderava a sessão quando seu carro apresentou problemas no motor e o australiano teve que deixar a atividade, exigindo bandeira vermelha. Quando os pilotos retornaram, Hamilton, Vettel e Verstappen chegaram a assumir a liderança, mas foi o espanhol Fernando Alonso que terminou com o melhor tempo. Último piloto na pista, Alonso guiou sua McLaren para o topo da sessão.

A principal vítima do Q2 foi o brasileiro Felipe Massa. O piloto da Williams não conseguiu grande resultado com a pista molhada e largará na 15ª colocação. O surpreendente Fernando Alonso, principal “zebra” no Q1, não avançou ao Q3. Com pneus super macios, Lewis Hamilton foi o líder da sessão, seguido por seu companheiro Valtteri Bottas.

O Q3 confirmou a superioridade da Mercedes na Inglaterra. Líder das primeiras sessões, a escuderia alemã voltou a ficar na primeira colocação com o piloto da casa. Lewis Hamilton bateu 1min26s600 e cravou a pole position no “quintal de casa”. Ao lado de Hamilton irá largar o finlandês Kimi Raikkonen. O piloto da Ferrari anotou 1min27s147 e superou o companheiro Sebastian Vettel, que ficou com a terceira colocação, após bater 1min27s456.

O finlandês Valtteri Bottas ficou com o quarto melhor tempo, mas irá largar cinco posições abaixo, por conta de uma punição que recebeu no início deste sábado. Vencedor do último GP da categoria, Bottas teve a caixa de câmbio de sua Mercedes trocada e perderá cinco posições no grid de largada.

O GP da Grã-Bretanha, o décimo da temporada 2017 da Fórmula 1, acontece neste domingo, às 09h00 (de Brasília). Hamilton é o pole, ao lado de Raikkonen, segundo colocado, e Vettel, que larga em terceiro.


Gazetanet



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.