João Pessoa, 25 de Setembro de 2017

12 de Agosto de 2017

Pense: Jornalista Luís Nassif dialoga sobre justiça e cidadania no Ciclo de Debates da PB

 Pense: Jornalista Luís Nassif dialoga sobre justiça e cidadania no Ciclo de Debates da PB

A segunda edição do Ciclo de Debates Contemporâneos da Paraíba – Pense, realizado pelo Governo do Estado, trouxe o jornalista Luís Nassif para debater sobre o tema Justiça e Cidadania: extremos, riscos e desafios da crise brasileira, que teve a mediação do procurador da República, José Godoy. O governador Ricardo Coutinho prestigiou o evento, que foi realizado na noite desta sexta-feira (11), no Espaço Cultural, em João Pessoa e, até o mês de dezembro, vai trazer grandes pensadores nacionais para discutir temas relevantes para a sociedade. O deputado federal Luiz Couto, deputados estaduais, auxiliares do Governo e outras autoridades estiveram presentes.


O governador ressaltou que a intenção do Pense é estimular as pessoas a uma reflexão sobre a realidade atual do país e do mundo. “O Governo do Estado buscou com esse Ciclo de Debates incentivar a reflexão, porque isso é algo fundamental. Estamos em busca de que setores do campo democrático possam debater e movimentar o campo das ideias e a sociedade, tudo isso na busca da superação dos problemas do país”, frisou Ricardo Coutinho.


Na ocasião, o jornalista Luís Nassif fez uma análise do processo de judicialização da política, falou sobre os caminhos da desconstituição da cidadania e a atual situação da democracia. “Dialogar sobre estes assuntos é extremamente importante e nos faz pensar que toda essa crise nacional esconde mudanças estruturais que estão ocorrendo no país e no mundo. Ocorre nos últimos tempos um conflito de valores, uma hegemonia da mídia e uma ideologia imposta aos cidadãos. É preciso recuperar o conceito de nação e buscar alternativas para reconstruir o país com mais justiça”, salientou.


“Participar deste momento é relevante por se tratar de um debate construtivo sobre um tema palpitante. Discutir questões relacionadas à justiça e cidadania nesse período de crise nacional é essencial, por isso sinto uma grande satisfação em mediar essa palestra”, falou o procurador da República José Godoy.


Temas como Identidades, representação, conflito e convívio culturais; A invenção e reinvenção necessária do Nordeste; As veias abertas da América Latina; A nação sob incerteza: profundidades e sentidos da crise brasileira, serão discutidos nas próximas edições do Ciclo de Debates. “Este evento é de extrema importância para fomentar o debate sobre questões nacionais. A sociedade precisa discutir mais esse momento de encruzilhada histórica no Brasil. Luís Nassif sabe estimular esse tipo de diálogo, ele é um jornalista muito competente e um grande especialista na área da economia e no campo da área jurídica”, comentou o cientista político Jaldes Menezes.


“Acompanho a trajetória de Nassif e acho que ele consegue fazer o povo refletir, em meio a tanta apatia no país. Hoje, as pessoas não respeitam as leis e os poderosos acham que podem fazer o que querem com o Brasil. Eu atravessei o período da ditadura militar e achei que meus filhos iam ter um país com democracia e justiça, mas, infelizmente, parece que a coisa está piorando”, avaliou a engenheira Maria de Fátima Viana.


O estudante de jornalismo João Paulo participou do Pense e afirmou que momentos como este, proporcionado pelo Governo do Estado, são de extrema importância para a construção da cidadania. “É muito importante podermos dialogar sobre temas como a intervenção da justiça na sociedade. Nos tempos atuais, está tão complicado para o cidadão acreditar na igualdade da justiça para todos, o que nos resta é refletir e lutar pelos nossos direitos”, pontuou.


A terceira palestra do Ciclo de Debates Contemporâneos da Paraíba está programada para o dia 27 de setembro, às 19h, no Espaço Cultural, com a presença do escritor, jornalista e frade dominicano Frei Betto, que vai debater sobre o tema: Avanços e intervenções da cidadania para o controle democrático da política.




Redação



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.