João Pessoa, 22 de Novembro de 2017

07 de Setembro de 2017

Funjope inicia projeto ‘Pólvora Cultural’ no Centro Histórico neste domingo

 O Centro Histórico de João Pessoa contará com mais um projeto musical em seu espaço, que promete levar a cultura local para os seus palcos. É que a partir desde domingo (10), na Casa da Pólvora, a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através de sua Fundação Cultural (Junjope), inicia o projeto ‘Pólvora Cultural’. O show terá início a partir das 16h e é gratuito.


Nesta primeira edição, o projeto recebe o cantor Zé Filho e Banda, que fará uma homenagem aos 20 anos do primeiro CD ‘Guitar Performance’, lançado em 1997. O momento será também de lançamento do novo CD ‘Coletânea Instrumental’, que é composto por músicas dos outros álbuns.


Além do artista, o show contará com sua banda, formada por Patrick Onofre (baixo) e Almir Cesar (bateria). “A população pode esperar um projeto com um show belíssimo, pois estamos trabalhando para levar isso. Zé Filho vem para elevar o que temos de melhor para mostrar aos pessoenses e turistas”, enfatizou o diretor de ação cultural da Funjope, Sandoval Nobrega.


A iniciativa, que vai levar ao público música instrumental, samba e MPB, tem o objetivo de seguir a política de ocupação ordenada e responsável do Centro Histórico, levar vida social e econômica para o local e expandir o mercado de trabalho para os artistas locais. O projeto acontece todos os domingos, sempre a partir das 16h, seguindo até às 19h.


“A Funjope está de parabéns por criar este espaço para divulgação da música produzida em nossa cidade. Além de valorizar a Casa da Pólvora, como um local de cultura, arte e entretenimento no centro histórico de João Pessoa e ainda brindar o público com um lindo pôr-do-sol”, celebrou Zé Filho.




Secom-PB



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.