João Pessoa, 23 de Novembro de 2017

08 de Novembro de 2017

Saiu resultado preliminar do TJPE

Saiu resultado preliminar do TJPE

Foi divulgado, nesta quarta-feira (8), o resultado preliminar da prova objetiva do concurso público do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). Há, ao todo, 179.548 inscritos para concorrer às 109 vagas, destinadas para técnicos de nível médio e para analistas de nível superior, além de cadastro de reserva. Os salários variam de R$ 4.222,45 (médio) a R$ 5.502,12 (superior).

Confira o resultado preliminar para candidatos de ampla concorrência aqui.


Confira o resultado preliminar para candidatos negros aqui.


Confira o resultado preliminar para candidatos com deficiência aqui.  

No site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IFBC), também estão disponíveis, a partir desta quarta (8), o resultado dos recursos do gabarito e a folha de respostas. Este último material, no entanto, fica disponível até sexta-feira (10).

As convocações para perícia médica dos habilitados na prova objetiva, tanto os de ampla concorrência quanto os com deficiência, e para aferição da veracidade da autodeclaração como pessoa negra, ficam disponíveis para consulta no site do IFBC a partir das 16h da segunda-feira (13). As perícias e o procedimento acontecem no Recife nos dias 18 e 19 de novembro.

Polêmicas

Após a realização do certame, no dia 15 de outubro, no Recife, diversos candidatos pediram a anulação do concurso devido a denúncias de irregularidades durante a aplicação das provas. Segundo alguns dos inscritos, não havia fiscais para acompanhar os candidatos até o banheiro e, em alguns dos locais de prova, a folha de respostas estava sendo anexada à redação.

Em nota enviada à reportagem no dia 17 de outubro, o TJPE afirmou que não tolerará irregularidades e que a "empresa atendeu a todos os itens estabelecidos no edital de licitação, sendo, por esse motivo, habilitada para a realização do certame".


Foto: Vanessa Bahé

G1



Enviar Comentário

O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o PB Agora gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.